domingo, 8 de novembro de 2009

Aquele Velho Amor


(Makafri/Rogerio Bahiense)



Desanda o coração
Põe a chorar
Se lamentar
Aquele velho amor
Bateu no peito outra vez
E fez um estrago
Nos planos de outro amor
Tão jovem que ao nascer
Rendeu-se ao senhor

A vida meu irmão
Diz e não diz quem é feliz
Na mesa de um bar
Até nos braços de alguém
Se chega a saudade
Não tem explicação
Tudo se transforma
Em fuga e solidão

Não adianta esconder
A dor do próprio coração
Ah, você pode inventar
Um amor pra se guardar
Mas não vai se convencer.

©m/rb

***

Nenhum comentário:

Postar um comentário