segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Sem Menos Esperar


(Xandynho Ramos/Rogerio Bahiense
)


Vem cá
Não diz que o tempo todo eu me enganei
Por que?
Se tudo que eu vivi você viveu
Pra que fazer assim
Dizendo que eu me confundi
Que foi um sonho meu

Eu sei
A gente achou que era só ficar
Mas foi
Mudando tudo aos poucos entre nós
Sem menos esperar
Nasceu o amor e então
A gente se entregou
Fez planos de uma vida feliz
Trocou juras eternas de amor

E agora você vem dizer
Que acabou não tem mais nada a ver
Que eu sonhei
Com esse amor

Viajei

Larga nossa história pelo chão
E me deixa nessa solidão
Ah, meu Deus!
Como dói

Esse adeus.

©xr/rb

***

Nenhum comentário:

Postar um comentário